Página principal
protestos

Domingo é marcado por protestos contra o novo governo no país

5/09/2016 - 6:56 |

 

REDAÇÃO

Manifestações contra o presidente Michel Temer tomaram as ruas das principais capitais do país neste domingo (4). Com cartazes e faixas, manifestantes gritam “Fora Temer”, defendem que o impeachment foi um golpe pedem eleições diretas já. Leia mais

TAGS:

Michel Temer minimiza protestos contra impeachment: ‘inexpressivos’

4/09/2016 - 19:31 |

 

REDAÇÃO

O presidente Michel Temer comentou os protestos realizados no país desde que assumiu a Presidência da República após a cassação do mandato de Dilma Rousseff no processo de impeachment. Em viagem oficial à China para participar de uma série de encontros com empresários e líderes mundiais, o peemedebista classificou as manifestações como “inexpressivas”. “São pequenos grupos, parece que são grupos mínimos, né? Não são movimentos populares de muito peso. Não tenho numericamente, mas são 40, 50, 100 pessoas, nada mais do que isso. Agora, no conjunto de 204 milhões de brasileiros, acho que isso é inexpressivo”, disse Temer. Em conversa… Leia mais

TAGS:

Estado mobiliza Guarda Nacional para conter protestos nos Estados Unidos

18/08/2014 - 15:38 |

 

REDAÇÃO

O governador do estado norte-americano do Missouri, Jay Nixon, mobilizou homens da Guarda Nacional, nesta segunda  (18), na tentativa de conter a onda de protestos que toma conta da cidade de Ferguson, naquele estado, horas depois de a polícia ter usado granadas de gás lacrimogêneo para dispersar manifestantes. Ferguson enfrenta dias de violência desde 9 de agosto, quando um policial branco matou a tiros o jovem negro Michael Brown, de 18 anos, que estaria desarmado. De acordo com o jornal The New York Times, que teve acesso a um relatório preliminar da necropsia solicitada pela família do jovem, ele foi… Leia mais

TAGS:

OAB e sociedade civil fazem ato contra prisão de ativistas no Rio de Janeiro

22/07/2014 - 15:37 |

 

REDAÇÃO

Com plenário lotado, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e organizações sociais realizou nesta terça-feira (22) ato em defesa do Estado Democrático de Direito e contra a prisão de ativistas no Rio de Janeiro. A Justiça determinou a prisão de 23 pessoas por participação em atos violentos, com base em investigação da Operação FireWall, da Polícia Civil. O ato dará origem a um manifesto que será entregue a autoridades no Brasil e a entidades de defesa de direitos humanos como a Organização das Nações Unidas (ONU) e a Organização dos Estados Americanos (OEA). Advogados, ativistas, intelectuais, parlamentares, magistrados, jornalistas… Leia mais

TAGS:

Advogada acusada de atos violentos em protestos pede asilo político ao Uruguai

21/07/2014 - 17:33 |

 

REDAÇÃO

A advogada Eloísa Samy, acusada de atos violentos em protesto, está no Consulado-Geral do Uruguai, no Rio de Janeiro, e pede asilo político ao país vizinho. Investigada pela Operação Firewall, da Polícia Civil, ela foi um dos 23 ativistas que tiveram prisão preventiva decretada, por associação criminosa, pela 27ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, na última sexta-feira (18). A informação foi divulgada pelo Instituto de Defensores de Direitos Humanos (DDH), organização não governamental da qual Eloísa Samy faz parte. Segundo o DDH, o objetivo da advogada é conseguir o asilo para defender-se, em liberdade, das acusações que são feitas… Leia mais

TAGS:

Seguem buscas por 18 ativistas com prisão decretada por atos violentos em protestos

21/07/2014 - 13:29 |

 

REDAÇÃO

A Delegacia de Repressão contra Crimes de Informática da Polícia Civil fluminense ainda procura 18 ativistas acusados de atos violentos em protestos no Rio de Janeiro. Eles foram denunciados à Justiça, na última sexta-feira (18) e tiveram sua prisão preventiva decretada por associação criminosa. Também foram denunciadas cinco pessoas que já estão presas. Fabio Raposo Barbosa e Caio Silva Rangel já estavam presos desde o primeiro semestre, acusados de acender o rojão que matou o cinegrafista da TV Bandeirantes Santiago Andrade. Já Elisa De Quadros Pinto Sanzi, conhecida como Sininho, Camila Aparecida Rodrigues Jourdan e Igor Pereira D’Icarahy foram presos… Leia mais

TAGS:

Policiais suspeitos de excessos em protesto após a final da Copa são afastados das ruas

17/07/2014 - 17:29 |

 

REDAÇÃO

Os quatro policiais militares investigados por excessos durante protesto contra a Copa do Mundo, no último domingo (13), no Rio de Janeiro, ficarão afastados das ruas por pelo menos 30 dias. Segundo a assessoria da Polícia Militar, eles foram presos administrativamente por 72 horas e, quando o prazo acabar, ficarão dentro dos quartéis, prestando serviços administrativos. Com prazo de conclusão em 30 dias, os inquéritos Policiais-Militares foram abertos depois que vídeos e fotos divulgados na imprensa e nas redes sociais flagraram soldados agredindo jornalistas e manifestantes. Um dos vídeos mostra o cinegrafista canadense Jason O’Hara sendo chutado no rosto, por… Leia mais

TAGS:

Protestos sem máscaras no Rio

11/09/2013 - 9:28 |

 

REDAÇÃO

Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro aprova projeto de lei polêmico que pretende punir manifestantes que utilizarem máscaras em protestos de rua no Estado. Leia mais

TAGS:

Confronto entre mineiros e policiais deixa 36 mortos na África do Sul

17/08/2012 - 11:43 |

 

REDAÇÃO

Cerca de 36 pessoas foram mortas em decorrência de um confronto entre mineiros e policiais, no Noroeste da África do Sul, na região de Marikana. Há informações que a polícia atirou contra os trabalhadores, que reivindicavam aumentos salariais. Anteriormente, dez pessoas, inclusive policiais, foram mortos também durante protestos. A mina da Companhia Lonmim é uma das maiores produtoras mundiais de platina, com 28 mil funcionários. Para especialistas, é o confronto mais grave registrado no país desde o fim do regime do apartheid- que não concedia direitos à população negra – em 1994. O secretário-geral do Sindicato Nacional de Mineiro, cuja… Leia mais

TAGS:

Presidente Dilma enfrenta protestos no Rio Grande do Sul

3/09/2011 - 15:05 |

 

REDAÇÃO

A presidente Dilma Rousseff voltou a enfrentar protestos nesta sexta-feira (2), em sua passagem pelo Rio Grande do Sul. Manifestantes ligados a sindicatos tocaram buzinas, fizeram “apitaço” e gritaram palavras de ordem no discurso de 30 minutos que ela proferiu na feira agropecuária em Esteio, na região metropolitana de Porto Alegre. Com cartazes com a inscrição “Dil-Má”, dezenas de manifestantes se posicionaram a cerca de cem metros da tribuna onde ela estava. Nem a presidente nem as outras autoridades que discursaram mencionaram a ação. Entre os líderes da manifestação estavam servidores de universidades federais, que entraram em greve há três… Leia mais

TAGS:

© Copyright 2010, Tempo Exato Comunicação - Proibida a reprodução total ou parcial.