Grevistas preparam proposta

11/06/2012 - 15:03 |

 

DUDE SANTOS

Foto: Divulgação/APLB Sindicato

Da reunião do comando de greve marcada para as 18h30 desta segunda-feira (11), no estacionamento da Assembleia Legislativa da Bahia, deve sair a contraproposta que pode pôr um ponto final na greve dos professores da rede estadual, que completa 62 dias hoje.

De acordo com o 2º secretário do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado da Bahia (APLB-Sindicato), Claudemir Nonato, cerca de 30 líderes do movimento tentarão achar um equilíbrio entre as quatro propostas resultantes de encontro realizado no sábado (9), para levar ao governo após apreciação da categoria em assembleia marcada para a manhã de terça (12).

Na semana passada, o governador Jaques Wagner propôs à categoria um reajuste escalonado em forma de progressão na carreira, com 4% em novembro deste ano e 3% em abril de 2013. De acordo com os cálculos do governo, a medida resultaria em aumento para os professores entre 22% e 26%.

Os professores estiveram reunidos no último sábado, na tentativa de formular uma proposta que atendesse aos anseios da categoria. A decisão seria apresentada ao governo esta semana, visando o fim da greve, que já prejudicou o primeiro semestre dos estudantes, comprometendo inclusive a preparação para o vestibular.

Na sexta (8), os grevistas pediram ao arcebispo de Salvador, Dom Murilo Krieger, que intercedesse junto ao governo para que as negociações fossem retomadas.

TAGS: