Fábrica de café é inaugurada no bairro de Pirajá, em Salvador

23/03/2011 - 21:03 |

 

REDAÇÃO

Salvador ganhou nesta quarta-feira (23) a segunda fábrica do grupo Sara Lee instalada no País. A indústria de café foi inaugurada no bairro de Pirajá, em Salvador, com a presença do secretário da Agricultura, Eduardo Salles, que representou o governador Jaques Wagner. A unidade incorporada pela multinacional americana, em novembro do ano passado, irá produzir as marcas Pilão e Caboclo para atender ao Nordeste, devendo gerar aproximadamente 500 empregos diretos.

De acordo com o presidente da empresa, Dantes Hurtado, a Bahia foi escolhida para implantação da fábrica porque o estado é um dos grandes produtores de café, ocupando a 4ª posição no ranking nacional. Produz o equivalente a 2,5 milhões de sacas, o que corresponde a mais de 150 mil toneladas na safra 2010/11. “Por meio da Sara Lee, o produtor terá mais facilidade para vender o café”, afirmou.

O secretário foi recebido pelo presidente do empreendimento, percorreu os 16 mil metros quadrados do espaço total da unidade – dos quais 4.600 metros quadrados de área construída – e conheceu os equipamentos que possibilitarão a produção anual de cerca de 20 mil toneladas. “A vinda da empresa é um marco para o aquecimento do agronegócio do café no estado”, enfatizou o secretário. Segundo Salles, com a chegada da indústria à capital baiana, o produto terá valor agregado.

Estiveram presentes na inauguração o vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), Vitor Ventin, o diretor de negócios do Banco do Nordeste, Paulo Sérgio Ferraro, o superintendente da Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração, Paulo Guimarães, o superintendente do Banco do Nordeste, Nilo Meira, o coordenador de atração de investimentos da Secretaria da Indústria e Comércio, Cristiano Penido, e o superintendente de Políticas do Agronegócio da Seagri, Jairo Vaz.

Fonte: Agecom

TAGS: