Pelourinho precisa de política cultural consistente que atraia baianos e turistas, diz Bellintani

14/05/2013 - 8:47 |

 

REDAÇÃO

Guilherme Bellintani - Foto: Rede Tudo FM

A Secretaria de Desenvolvimento, Turismo e Cultura está finalizando um diagnóstico sobre os problemas do Pelourinho, com o objetivo de desenvolver ações que possam incrementar o uso daquele espaço público, fortalecendo a atividade econômica ali existente, informou o titular da Pasta, Guilherme Bellintani, durante entrevista ao programa ‘Bahia Com Tudo’, da Tudo FM (102,5).

A Prefeitura de Salvador tem dialogado com a equipe técnica do Escritório de Referência do Centro Antigo, mantido pelo Governo da Bahia, e também com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Em caráter preliminar, Bellintani afirmou que os serviços públicos de limpeza, iluminação e segurança no Pelourinho não apresentam defasagem. “É possível melhorar estes serviços, mas não existe grande deficiência”, observou. “O que há de mais grave está em torno daquela área, onde o crack causa sérios danos para muitas pessoas. Este é um desafio a ser enfrentado pelo poder público e sociedade”.

As informações já organizadas sobre a situação do Pelourinho indicam a necessidade de oferecer ao público uma política cultural consistente, capaz de atrair não apenas o turista, mas principalmente os moradores da capital baiana que deixaram de frequentar aquela área da cidade: “Uma programação especial nos museus, espetáculos musicais, uso das praças como espaço de convivência e bons restaurantes fazem parte do que deve ser planejamento para a revitalização do Centro Histórico”, indicou o secretário Bellintani.

SERVIÇO:

Programa Bahia Com Tudo – Rede Tudo FM (102,5)

De Segunda a Sexta, das 17h50 às 19h

Apresentação: Lenilde Pacheco, Andrea Mendonça e André Spínola

 

TAGS: