Carro da médica perseguiu moto e provocou o acidente que matou dois irmãos em Salvador

11/10/2013 - 20:05 |

 

REDAÇÃO

A médica oftalmologista Kátia Vargas Pereira, que dirigia o veículo que atingiu a motocicleta com os irmãos Emanuel e Emanuele Gomes Dias, mortos ao bater num poste após a colisão, deverá ser indiciada por homicídio por dolo eventual (quando a pessoa assume o risco de matar). O acidente ocorreu nesta sexta (11), em Ondina, na capital baiana.

Imagens de câmaras de segurança da rua obtidas pela polícia mostram o carro da médica, um KIA modelo Sorento, em alta velocidade atrás da moto, confirmando o relato de testemunhas sobre uma perseguição, após o condutor da moto ter reclamado da motorista por causa de uma suposta fechada, pouco antes da colisão.

Os dois irmãos morreram no local do acidente, ao colidir com um poste após a motocicleta ser atingida pelo veículo da médica, na manhã desta sexta-feira (11), em frente ao Ondina Apart Hotel, zona nobre de Salvador. Emanuele tinha 23 anos e Emanuel completaria 22 na próxima terça-feira.

A médica Kátia Vargas Pereira, de 45 anos, que dirigia o Sorento, perdeu o controle do veículo e bateu na grade de proteção do Ondina Apart Hotel, 10 metros à frente do local onde a motocicleta colidiu com o poste. Ela foi socorrida por uma equipe do Samu e levada para o Hospital Aliança, onde permanece internada, sob custódia policial.

A delegada Jussara Souza, titular da 7ª Delegacia de Polícia, que apura o caso, disse que as imagens não deixam dúvidas: o carro da médica perseguiu a motocicleta, em velocidade, até o choque. Ela aguarda a oftalmologista receber alta médica para tomar seu depoimento e dar prosseguimento ao inquérito.

Testemunhas já ouvidas pela polícia confirmam que houve um desentendimento entre o condutor da motocicleta e a médica. O rapaz teria batido no vidro do carro e reclamado de uma suposta fechada. Na sequência, acelerou a moto, mas foi perseguido pelo carro. Adiante, o veículo bateu na motocicleta, que foi lançada contra o poste, provocando a morte dos dois jovens.

Os corpos dos dois irmãos serão sepultados às 11h deste sábado (12), no Cemitério Campo Santo, na capital baiana.

Emanuel iria fazer 22 anos na terça-feira; Emanuele tinha 23.